quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Ligeiramente Indecente, de Mary balogh

 Leitura fluida, rápida e agradável. A escritora agarra num cliché, perda da memória, casamento falso, e deceção, e reescreve-o saindo um pouco do que seria a normalidade, o que é bom. 
Torna a personagem masculina (no principio Jonathan Smith e depois Alleyne) um pouco indeciso mas sempre consciente do que faz e porque o faz apesar de ter amnésia e não saber na realidade se é ajustado ou não a sua anterior personalidade. Baleado numa coxa na batalha, cai do cavalo e é roubado até ficar sem a roupa do corpo.
Rachel, a personagem feminina, é pouco convencional, vive num bordel apesar de não ser uma das meninas, comporta-se como uma senhora de sociedade, mas também não o é. Circunstâncias na sua vida fizeram com que não pertence-se a nenhum dos lados, morte da mãe e mais tarde do pai, e por caridade das senhoras, uma delas sua ama de leite, a acolheu no sitio onde vive. Data da guerra com Napoleão na altura em Bruxelas, e todas as senhoras foram vitimas de um embusteiro que lhe levou as economias não podendo sair da cidade e voltar para Inglaterra. Procuraram nos despojos da guerra por algo que poderiam vender e só trouxeram para casa Smith e o Sargento Strickland, que ajuda a carregar o primeiro.
Sinopse:
E no campo da Batalha de Waterloo, entre os soldados feridos, que Rachel York espera encontrar a salvação para si e para as suas amigas. Ludibriadas por um falso pretendente, as quatro encontram-se agora longe de casa, na penúria e obrigadas a viver num bordel. Mas Rachel e uma jovem cheia de recursos e não se da por vencida. A solução para todos os seus problemas - pensa - esta num belo soldado moreno que perdeu a memoria. Pois para poder receber uma avultada herança, Rachel precisa de um marido. Basta convencer o soldado desconhecido a alinhar no jogo. O que ninguém sabe e que o jovem e nada menos que Lord Alleyne, o benjamim da família Bedwyn. Mas, por muita boa vontade que ele tenha, nada corre como planeado ao chegarem a Inglaterra. E a situação complica-se - quanto mais não seja pela crescente atracão entre os falsos noivos, numa farsa que parece ser ligeiramente... indecente.
Boas leituras

domingo, 19 de fevereiro de 2017

A Rainha Cativa

Leitura empolgante, cativa o leitor pela sua simplicidade, levando-nos ao possível dia a dia sobre a futura rainha Isabel, protestante moderada, e o clima da época durante o reinado de Maria, católica, extremista (conhecida como Bloody Mary) até esta última ser deposta da coroa.
Não nos é apresentado diretamente mas sim pelas vivências e ações de Honor, a sua aia, e apoiante da causa protestante e do reino inglês. Honor foi igualmente aia da rainha Catarina, mãe de Maria aquando do divórcio desta com o rei Henrique VII, e condenada à fogueira por heresia,  E ainda outras perspetivas, como mestre tecelão,  seu marido, Richard, e seu enteado, Adam, marinheiro e construtor de barcos.

Sinopse:
Inglaterra, 1554. No rescaldo da fracassada Revolta de Wyatt, uma rainha Maria vingativa manda capturar e executar todos os conspiradores. Entre os detidos encontra-se a irmã, Isabel, de vinte e um anos. Isabel declara-se inocente, atitude que intensifica ainda mais a raiva de Maria.
Isabel anseia por recuperar a liberdade - e conquistar a coroa da irmã. Em Honor e Richard Thornleigh e no filho de ambos, Adam, a jovem princesa encontra aliados leais. Revoltada com a intenção proclamada por Maria de queimar todos os hereges, Honor visita Isabel, presa na Torre, e as duas mulheres tornam-se amigas. E quando Adam desmascara um potencial assassino, a gratidão de Isabel transforma-se numa atracção forte e mútua. Mas embora Honor esteja disposta a pôr em risco a sua segurança pela futura rainha, a participação numa nova revolta contra a impiedosa Maria obriga-a a fazer uma escolha impossível…
  
Boas leituras

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Troca de Fevereiro 2017 (recebida)

Bom dia
Venho mostrar o que recebi da minha madrinha nesta troca de Fevereiro. Deixo as fotos que falam melhor que qualquer palavra.


 

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Troca de Fevereiro (enviada)

Bom dia a todos
Espero que estejam bem de saúde, nesta altura birus andam por aqui e ali.
Está a decorrer mais uma troca, no local do costume, venho mostrar o que enviei à minha madrinha. Seguem as fotos...
 


Até breve

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Feira do Chocolate 2017

Olá
Fui a feira, mas não a qualquer uma, fui a feira do chocolate no Campo Pequeno, ver e degustar chocolate de todo o tipo, e afins. Hoje é o seu primeiro dia, e irá ficar até domingo por isso passem por lá.
Alguns fotos das coisas chocolateiras que vi e comprei, as outras são prenda não poderei mostrar.




E nem tudo é chocolate, fruta desidratada, também têm legumes =)

Até breve

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Mix Media Morsels #19 - Silhouettes

 



Fundo: pedaços de folhas com escritos nas línguas asiáticas (veio da Moleskine, reciclando), cola UHU decoupage e gesso, para aclarar as letras, ficando mais esbatidas apesar de em certos locais ainda se notar bem. Depois, 2 tons de azul: claro e médio em todos o fundo com menor ou maior quantidade, mais cor prateado em alguns sitios. Utilizado 2 stencils: um de "flor com pé" e o outro de "muro de tijolos", com um azul mais escuro que os anteriormente usados e somente colocado em alguns locais. Peça focal: duas silhuetas, menino e menina, que são na realidade dois stickers em preto, colados em cartolina e depois recortados e colados com cola em espuma 3D, para ter relevo. O titulo: sticker com os dizeres "True Love" em tons de rosa com brilhante em forma de coração, e no canto inferior direito os números. E espalhados pela página estão vários decalques com forma de insetos, flor, corações, em tons de rosa.
MMM#19

domingo, 5 de fevereiro de 2017


Mix Media Morsels #: The Heart

E ainda como estamos no mês de Fevereiro, mês do coração por excelência e afinidades Dia dos Namorados, brincadeiras com coração :)

Utilizei para o fundo: selos usados, cola UHU decoupage e gesso. O coração é papel aguarela, pintado com caneta Posca 3-M vermelho, depois stencil  e pasta de modelar, nova aplicação de gesso, mais um bocadinho de papel aguarela para a mensagem, cortado em forma de seta e com 3 pedrinhas num lado e 1 no outro. Cercadura a toda a volta feita com canetas Posca em 3 cores: preto, branco e o mesmo vermelho do coração. Letras douradas na cabeça da página com os dizeres The Heart.

Tenho mais um para mostrar mas ainda não ao meu gosto.

Mix Media Morsels #

Comprei a Papercraft Inspirations e os carimbos de oferta são flores (muito giros por sinal e bastante versáteis quando pensamos em trabalhos). As minhas experiências com o carimbo novo e as aguarelas do Lidl, compradas já nem sei faz quando.

A cizalha Martha Stewart



Por incrivel que pareça vinha com instruções muito básicas e precisei de procurar por um video que me ajudasse a não estragar a minha prenda nova. Este foi o que me mais ajudou, principalmente a destravar a função de corte.

sábado, 4 de fevereiro de 2017

The Capture of the Earl of Glencrae

Angelica, mulher determinada, inteligente e objetiva no que deseja e vai atrás. Glencrae nem sabe o que o espera mas no fim até gosta.
Sinopse:
Three heros, three rescues, three weddings.We joyfully request your attendance at the wedding of Miss Angelica Cynster...but not until she and her hero confront a devious enemy and lay to rest an ancient grudge in the Scottish Highlands!
Headstrong Angelica Cynster is certain she'll recognize her fated husband at first sight. And when her eyes meet those of a mysterious nobleman across a candlelit ballroom, she knows beyond doubt that he's the one. But her heart is soon pounding for an entirely different reason--when he hero abducts her!The eighth Earl of Glencrae has no choice but to kidnap Angelica, the one Cynster sister with whom he hadn't wanted to tangle. But to save his castle and his clan, he must persuade her to assist him--and he's prepared to offer marriage to seal the deal.
Boas leituras